segunda-feira, 24 de novembro de 2008



Navego muito pela internet...
E é muito bom, poder encontrar
tanta coisa boa, como este poema de
uma página que visitei,
"www.luso-poemas.net". É bom saber, que não estamos sozinhos...





Tempestades

Tudo em mim, são dias de tempestades...
Por isso entrego minha alma à poesia
E meus dias a escrever versos
E meto uns poemas em velhas garrafas

E as levo para as águas intermináveis dos mares
- revoltos e tristes -
E as lanço, na singela esperança

De que um dia alguém os leia
Ainda que meus pés não estejam mais sobre este chão
E meu corpo tenha sido já lançado no ventre desta terra impura

E minha alma tenha também partido
- para a imensidão do infinito com que sonho,
ou para o abismo solitário que me amendronta...

(Vanessa Marques)



3 comentários:

meus instantes e momentos disse...

foi muito bom vir conhecer teu blog, gostei daqui. Teu modo sensivel de postar teu blog.
Parabnes , vou voltar com certeza.
Maurizio

Pico minha ilha disse...

Obrigada pela visita.
...._.;_“.-._
...{`--..-.“_,}
.{;..\,__...-“/}
.{..“-`.._;..-“;
....`“--.._..-“
........,--\\..,-“-.
........`-..\(..“-...\
...............\.;---,/
..........,-““-;\
......../....-“.)..\
........\,---“`...\\
....._.;_“.-._ COM CARINHO

Vênus disse...

Olá,Silvia
Vi que vc acompanha meu Blog e até me linkou.
Gostei muito daqui!

Espero seus comentários nos meus posts,ok?
Também já estou te acompanhando!

bjs